INTRODUÇÃO AO LEVANTAMENTO DE PESOS

Atualizado: 11 de abr.

Primeiramente, gostaria de agradecer ao visitante e sócio do mTORlab Membership, e comunicar que esta área do site serve para que possamos estudar diversos temas, em especial o Levantamento Olímpico de Pesos. Como essa área restrita é direcionada não somente aos profissionais de Educação Física, tentaremos ser o mais claro possível, para que o praticante da modalidade possa ter um entendimento claro e objetivo, para que assim, seja capaz de desenvolver questionamentos sobre dúvidas que surgem durante seu processo de treinamento.


Vale salientar que em todos os artigos, deixaremos um material de estudo para download, visando a troca de informações entre nossos associados.


Nessa primeira parte, citarei a história e conceituarei alguns termos, além de detalhar os dois exercícios de competição (o arranque e o arremesso).


O Levantamento de Pesos, comumente denominado de Levantamento de Pesos ‘Olímpico’ - ou Levantamento Olímpico de Pesos - pelo fato de o levantamento ser olímpico, não os pesos (e ser "pesos" no plural pelo fato de os mesmos serem variáveis durante a competição, diferentemente de um arremesso de peso, onde o peso se mantém constante para todos os atletas, em todas as tentativas), possui dois exercícios de competição: o arranco (‘snatch’) e o arremesso (‘clean and jerk’).


Ao denominarmos apenas de ‘levantamento de pesos’, podemos facilmente criar uma confusão com a modalidade não olímpica do halterofilismo: os Levantamentos Básicos (composta por 3 exercícios competitivos, mais comuns no ambiente das ‘academias de musculação e ginástica’: supino - ‘bench press’, levantamento terra - ‘deadlift’ e agachamento –- ‘squat’). Somados ao fisiculturismo - modalidade que possui como objetivo a construção do físico de forma simétrica, onde o volume e a definição muscular são os critérios de julgamento, eles compõem o halterofilismo - do grego ‘amizade entre os halteres’.


O levantamento de pesos se caracteriza por ser uma modalidade individual, acíclica, de intensidade máxima, de potência e de complexidade motora elevada, onde o levantador de pesos (ou pesista) possui três tentativas (em cada exercício competitivo) para levantar a barra acima da cabeça em apenas um (arranco) e em dois movimentos (arremesso), a soma da melhor marca em cada um dos exercícios será o resultado total que classificará o competidor.

Sua origem pode ser milenar (em documentos históricos da Grécia Antiga ele aparece em forma de testes de força humana, assim como em antigos registros egípcios e chineses)(Schodl, 1992; Buitrago & Jiaping, 2018), porém o modelo competitivo como observamos atualmente existe apenas a partir de 1972, com a redução da quantidade de exercícios competitivos: do triatlo (arranco, arremesso e arremesso desenvolvido) a prova passou para o biatlo (arranco e arremesso).


A exclusão do arremesso desenvolvido ocorreu por motivos principalmente relacionados às discussões quanto à validação ou não do movimento em competição, pois se tratava de um movimento de análise mais complexa do que os demais, além de ser um movimento que possuía uma maior probabilidade de lesão na coluna durante o 2º tempo, pelo fato dele ser desenvolvido, o atleta realizava um movimento de hiperextensão da coluna lombar e torácica para realiza-lo quase como um supino inclinado, porém, em pé.


Ao mesmo tempo, tal exclusão fez com que o esporte adquirisse um caráter mais ‘explosivo’ devido à diminuição do volume de repetições durante a competição. Se antes o atleta realizava ao mínimo 9 tentativas na plataforma mais o aquecimento (em média se adiciona de 8 a 12 movimentos com cargas de 70 a 95%), ou seja, quase 40 repetições de 3 exercícios de caráter de força-velocidade, agora este número reduziu para menos de 30 repetições, tornando não só menos árduo para o competidor, mas também mais agradável para o público expectador.

Como uma atividade atlética básica, e um significado natural de medir força e potência, o levantamento de pesos esteve presente nas antigas culturas dentre elas, de acordo com Carvalho e Santos (2006), a cultura egípcia e a grega, sendo que, de acordo com Stone et al. (2006), o levantamento de peso pode ter sido praticado há mais de quatro mil anos. A prova destes registros pôde ser encontrada no túmulo egípcio do príncipe Baghti, datado em aproximadamente 2040 AC, que continha ilustrações de movimentos de força e levantamento de peso.


Figura 1. Artista circense realizando exibição de força.



O levantamento de pesos, que antes era apenas uma modalidade masculina nos jogos, passou a ter a participação das mulheres. Este episódio foi iniciado oficialmente em 1987 no campeonato mundial de levantamento de peso feminino, em Daytona, na Flórida. Somente treze anos mais tarde, o levantamento de peso feminino foi incluído nos jogos olímpicos de Sidney em 2000 e disputado em sete categorias (GARHAMMER e TAKANO, 2006).


As competições de levantamento de peso nos jogos olímpicos e campeonatos mundiais incluíam levantamentos com um e dois braços (1896 a 1925), até que o Comitê Olímpico Internacional (COI) decidiu limitar deixando somente, o supino, que de acordo com o Stanica (2007) o exercício, referido por Stone e Kirksey (2003, pg. 861) como “supino”, seria um equívoco de tradução, pois na verdade o exercício competitivo usado nessa época fora o estilo desenvolvimento ou “militar press” também chamado, de acordo com El-Hewie (2003), "two handed clean and press" (um arremesso com a diferença de que no segundo tempo a barra era levantada do peito/ombro até acima da cabeça em força, sem nenhum impulso adicional das pernas), o arranque e o arremesso. Estes três tipos de levantamento permaneceram até 1972, ano em que fora excluído o desenvolvimento ou “militar press” devido aos grandes problemas de saúde e arbitragem que trazia.

Para o melhor entendimento dessas modalidades, primeiramente será descrita a classificação da modalidade, onde explicaremos as duas modalidades do levantamento olímpico de pesos, o arranco e o arremesso, e definiremos os termos mais importantes.


#LPO #Snatch #weightlifting

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo